sábado, 5 de abril de 2008

EM BUSCA DE MIM























A solidão fere meu coração
Esta solidão que me enche por dentro
Esta sensação de impotência
Ferida que dói em constante latência

O muro que construí, ruiu
Estou exposta e isso me assusta
Minhas fraquezas podem ser usadas
Para me derrubar me arrasar sem um piu

Enojam-me as pessoas
Irritam-me suas palavras vãs
Perco-me dentro de mim mesma
E me acho surpresa

Encontro-me em cacos
Pequenos pedaços de cristal, luz
Isso me mostra que mesmo em pedaços
Meus nervos são de aço

Espada em riste luto desesperada
Estou toda machucada, mas ainda viva
Ainda com forças e crenças.
Não importa nada o que pensas

E de embate a embate
Sigo minha estrada de lutas
Perseguindo-te oh felicidade
Com todas as minhas forças


By Ana Kaya. Ilustração: Angústia - Salvador Dali.

3 comentários:

Dumuro disse...

See Please Here

MARCELO FARIAS disse...

Se você publicar um livro, vai fazer um sucesso que talvez lhe surpreenda.

Ana Kaya disse...

Eu não tenho um livro de poesias, preciso escrevê-lo ou juntar material que já tenho, mas ainda falta mais coisas.
Eu tenho um livro pronto pra editar de contos eróticos com vampiros. Dia desses ele está por aí, se Deus quiser.
Obrigada Marcelo por suas palavras, me enchem o coração e me enchem de entusiasmo de continuar nesta luta contínua.